Make your own free website on Tripod.com
                   Kiss - Discografia comentada

    Hotter than hell.........................................9,0

Por: Daniel Iasbeck

1. Got to choose                                      1. All the way
2. Parasite                                               2. Watchin' you
3. Goin' blind                                          3. Mainline
4. Hotter than hell                                   4. Coming home
5. Let me go rock and roll                       5.Strange ways

    GOT TO CHOOSE-(Paul Satnley) v : paul

     Para esse segundo álbum, Paul trouxe apenas músicas novas, enquanto Gene procurou trazer músicas antigas que ainda não haviam sido gravadas. Essa é uma ótima faixa de abertura, mostrando o clima mais obscuro desse álbum, especialmente na gravação que é muito pesada (alguns diriam, suja). Ótimas vozes.

     PARASITE-(Ace Frehley) v : gene

    Ace começa a trazer mais composições para a banda, e "Parasite" é a prova definitiva de que suas canções eram tão boas como as de Simmons e Stanley, merecendo total destaque. Certa vez, Paul Stanley disse em uma entrevista que até o próprio Ace se surpreendeu com o resultado dessa música, pois nem mesmo ele sabia que era capaz. "Parasite" tem um dos seus melhores riffs e dá o seu recado logo no início do Lp.

    GOIN' BLIND-(G.Simmons/S.Coronel) v : gene
 
    Essa é uma daquelas músicas da época do Wicked lester (primeira banda de Paul e Gene) que ainda não haviam sido gravadas. É mais calma que as anteriores mas ainda assim bem obscura, principalmente no que diz respeito à letra. Foi regravada no "Umplugged"(96) se tornando mais conhecida a partir de então, já que o video do show não parava de rolar na MTV.

    HOTTER THAN HELL-(Paul Stanley) v : paul

    A faixa título do disco fica a cargo de Paul Stanley, que é, na minha opinião, o melhor compositor da banda. "Hotter than hell" é um hard rock simples e eficiente, como pode ser comprovado nos shows da época. É uma das minhas preferidas.

    LET ME GO ROCK AND ROLL-(G.Simmons/P.Stanley) v : gene

   Rockão simples, mas muito carcterístico da banda. Foi tocada muitas vezes nos shows da década de 70 e depois, nas turnês atuais (de 96 pra cá). Aqui ela aparece na versão original, que é bem mais curta que as versões ao vivo.

    ALL THE WAY-(Gene Simmons) v : gene

    Essa é uma daquelas músicas meio desconhecidas pelos fãs menos fanáticos. "All the way" é bem simples e segue uma linha que Gene iria adotar nos discos seguintes como em "Rock and roll over" e "Love Gun". O solo é fantástico!

    WATCHIN' YOU-(Gene Simmons) v : gene

   Pedrada! Outra velha canção que Gene havia escrito bem antes e já havia sido gravada na primeira demo (anterior ao primeiro disco). Foi também muito tocada na década de 70 e depois, na turnê do disco"Revenge"e nas que vieram depois desta. Ótimos riffs. Os destaques: as guitarras dobradas no meio da música e as fantásticas vozes.
 
    MAINLINE-(Paul Stanley) v : peter

    Na época desse disco (e acredito que mesmo depois), Peter se achava a estrela da banda, talvez por ser o mais velho e mais experiente e exigiu que lhe dessem uma música pra cantar. Resultado: Paul acabou lhe deixando "Mainline", que pra quem não lê os créditos de composição (que estão sempre entre parênteses depois do nome das músicas) soa como uma composição do próprio Peter! Não é uma música fraca, mas também não é nenhuma "Black Diammond". É uma das mais obscuras do álbum (não foi tocada ao vivo e nem foi "coverizada" por nenhuma banda).

    COMING HOME-(P.Stanley/A.Frehley) v : paul

    Uma raríssima contribuição de Paul/Ace, "Coming Home" é uma música alegre que ficou totalmente esquecida até entrar no "Unplugged" da MTV, e ainda por cima abrindo o show, o que foi totalmente surpreendente pra qualquer fã. Tem a pior gravação de todo o disco. Era a minha música favorita do Kiss desde criança.

   STRANGE WAYS-(Ace Frehley) v : peter

    Mais um daqueles casos: já que o Ace não cantava, "deixa o Peter cantar"! Não que isso seja ruim, pelo contrário, mas na minha opinião, se ele queria tanto cantar, que viesse com algumas composições também. Não acredito que essa música foi composta para que ele fizesse a voz principal, já que é bem pesada e arrastada (talvez o próprio Ace poderia cantar essa muito bem).
    Mais uma de Ace Frehley, totalizando três músicas em um único LP! Isso é coisa rara nos discos do Kiss, onde geralmente as composições ficam a cargo de Gene & Paul, com mínima contribuição dos outros dois.
    A versão original dessa música, tinha um longo solo de bateria no meio, que foi cortado de última hora (o que deve ter deixado o Peter bem puto).